Deputada Ofélia Ramos reeleita presidente do PSD Faro

  • Print Icon

Ofélia Ramos foi reeleita presidente do PSD de Faro no ato eleitoral de sábado, dia 11 de janeiro, encabeçando a única candidata à Comissão Política de Secção (CPS).

A deputada Ofélia Ramos eleita à Assembleia da República mantém os seus dois vice-presidentes, Bruno Lage, atual presidente da União de Freguesias de Faro (Sé e São Pedro) e Henrique Gomes, chefe de Gabinete do presidente da Câmara de Faro.

A tesoureira será Elisabete Vargues, tesoureira da União das Freguesias de Faro e o secretário concelhio mantém-se o dirigente associativo João Gameiro Alves.

A lista eleita tem como vogais efectivos Carlos Baía, Paulo Botelho, Francisco Soares, Graciano Bitoque, José Carlos Jardim de Sousa, Teresa Correia, Virgínia Alpestana e João Alcanena. Os suplentes são Pedro Nunes, Maria Eugénia Quintanilha, Pedro Cláudio e Catarina Santos.

Para a Mesa da Assembleia de Seção foram eleitos Cristóvão Norte (presidente), José Carlos Gonçalves Júnior (vice-presidente), Cristina Soeiro (secretária) e Luciano Santos (suplente).

Também eleita no ato foi a única lista concorrente de delegados ao 38º Congresso do PSD, que se realizará em fevereiro em Viana do Castelo, e que conta com os nomes de João Gameiro Alves, Henrique Gomes, Bruno Lage, Paulo Botelho, Elisabete Vargues e Cláudia Luz.

Finalmente os militantes de Faro elegeram os delegados à Assembleia Distrital, assim seriados: Henrique Gomes, Carlos Luís, João Gameiro Alves, Tiago Botelho, Teresa Correia, João Dias, Francisco Soares, Cláudia Luz, Paulo Botelho, Jardim de Sousa, Elisabete Vargues, Virgínia Alpestana, Marcos Guia e Bruno Lage. Os suplentes são João Nuno Neves, Gonçalo Santos, Catarina Santos, Pedro Cláudio e Ilídia Sério.

Na oportunidade, o PSD de Faro «agradece a todos os militantes que foram exercer o seu direito de voto e declara a sua predisposição em continuar a apoiar os autarcas eleitos na nossa circunscrição e a preparar as Eleições Autárquicas de 2021, nas quais pretendemos fortalecer a posição do nosso partido como a grande força do poder local farense, capaz de operar as principais transformações que ocorreram no nosso concelho nos últimos 10 anos».

«Animados deste espírito vencedor, pretendemos reeditar maiorias nos executivos da Câmara, União de Freguesias de Faro (Sé e São Pedro) e Junta de Montenegro e prepararemos candidaturas fortes e credíveis para todas as outras freguesias (Conceição e Estoi e Santa Bárbara de Nexe) e Assembleia Municipal», avança o PSD Faro.