Loulé acolhe primeiro curso de técnicos de eletrónica médica da região

  • Print Icon

No próximo ano letivo, os alunos da Escola Secundária de Loulé terão a oportunidade de seguir uma nova carreira profissional com a abertura do curso de formação de Técnicos de Eletrónica Médica.

No seguimento de um desafio lançado pela Câmara Municipal de Loulé, a Escola Secundária de Loulé, ciente da crescente importância que o setor da Saúde vem assumindo no desenvolvimento socioeconómico do concelho e da região, propôs ao Ministério da Educação a abertura de um curso, para Técnicos de Eletrónica Médica, no âmbito do ensino profissional.

O Ministério da Educação aprovou o referido curso, sendo este um motivo de regozijo por parte da Autarquia de Loulé, que desde a primeira hora acarinhou o projeto que vai na sequência de todo o intensivo trabalho realizado nos últimos anos, no sentido de captar para o Algarve profissionais especializados nas diversas vertentes da saúde e assim melhorar os serviços e a oferta existentes na região.

Com efeito, a criação de formação de futuros Técnicos de Eletrónica Médica visa responder não só às necessidades sentidas por parte dos responsáveis pelos equipamentos públicos e privados de saúde, mas também por parte de outros setores de atividade económica, da indústria ou dos serviços, que cada vez mais utilizam componentes de eletrónica e automação.

Este curso estreia-se assim em Loulé, sendo o primeiro do género a ser lançado no Algarve, região que, não tendo tradição industrial, dificilmente consegue oferecer aos seus jovens qualificações profissionais de nível secundário que não estejam diretamente relacionadas com a área do turismo.

A Escola Secundária de Loulé está, de facto, de parabéns, assim como todos os jovens que, a partir de setembro, decidirem seguir esta via profissional. Espera-os, é certo, grandes desafios e muito trabalho, pois este é um curso muito exigente no domínio da matemática e do pensamento lógico, nas destrezas manuais inerentes ao manuseamento de circuitos e microcontroladores e ainda na relação íntima que estabelece entre a área da saúde e a da engenharia eletrónica.