Portimonense derrotado pelo Tondela mantém «a corda ao pescoço»

  • Print Icon

Pouca clarividência e pouca qualidade de jogo valem nova derrota ao conjunto algarvio, que arrisca a complicar as contas da manutenção.

A necessitar urgentemente de pontos para galopar rumo à permanência, o Portimonense entrou em campo neste sábado, 1 de fevereiro, com uma frente de ataque mais dinâmica, onde Dener assumia a posição central, secundado nas alas por Aylton Boa Morte e Luquinhas.

A estratégia não parece ter dado resultado, uma vez que a turma da casa teve um começo desastroso: ao 11º minuto de jogo, na sequência de um canto, Ricardo Ferreira deixou escapar a bola das mãos e Philipe Sampaio atirou para o primeiro golo da tarde para o Tondela.

O guardião alvinegro ainda se queixou de uma falta, mas as imagens mostram que o choque do guardião foi com…o colega, Lucas Possignolo.

Os algarvios não conseguiram esboçar uma reação imediata e, na verdade, o bloco baixo dos beirões ia dando água pela barba ao conjunto de Bruno Lopes, que não conseguia encontrar caminhos para criar perigo.

Luquinhas teve no pé uma boa tentativa ao minuto 35 mas, na hora de rematar, faltou a pontaria, e a vantagem forasteira havia de se manter até ao intervalo. O jovem brasileiro já não regressou para a segunda metade, tal como Henrique, entrando em campo Jackson Martinez e Anderson Oliveira. Bruno Lopes tentava, assim, inverter a situação negativa.

O conjunto alvinegro foi tendo mais bola e mais volume de jogo na etapa complemetar, mas as oportunidades de perigo rareavam. Ia havendo sempre alguma hesitação na hora de definir, apesar das muitas investidas que o conjunto de Bruno Lopes fazia no ataque.

Nos tondelenses, Pepelu ia comandando um conjunto sólido que sabia o que fazia em campo e tinha no avançado croata Strkalj um portento físico, a dar muita luta aos centrais da casa.

O Portimonense não desmontou a teia forasteira e averbou nova derrota, a terceira consecutiva no campeonato. A equipa do Algarve mantém os 14 pontos e arrisca-se a aumentar para cinco pontos a distância que dista dos lugares de manutenção, bastando para isso que o Paços de Ferreira leve de vencida a formação do Santa Clara hoje, às 20h30.

Na próxima semana, o Portimonense desloca-se a Alvalade para defrontar o Sporting, em partida a contar para a 20ª jornada disputada no domingo, dia 9 de fevereiro, às 17h30.