Estudantes convocam nova greve pelo clima

  • Print Icon

Depois do protesto que levaram a cabo no passado mês de março, os estudantes voltam a fazer uma greve mundial pelo clima na sexta-feira, 24 de maio.

A concentração, em Faro está marcada para as 10h30, junto ao Fórum Algarve, numa ação integrada no movimento #SchoolStrike4Climate, iniciado pela jovem ativista sueca Greta Thunberg.

Os jovens vão defender a «justiça climática», pois consideram que «as classes políticas varrem a temática para debaixo do tapete». O protesto anterior até proporcionou uma audição com o Ministro do Ambiente, mas a mudança reivindicada «não chegou. As centrais de Sines e do Pego continuam a funcionar a carvão, e não foi efetuada qualquer mudança para planear a transição energética mais cedo», explica a organização, que acrescenta ainda que «os contratos para explorar gás natural na Batalha e em Pombal continuam em cima da mesa, escudados pela inércia política na área ambiental».

Depois do sucesso da primeira iniciativa, que juntou cerca de 20 mil jovens por todo o país, os estudantes, que consideram ser parte de uma geração «que está acordada», voltam à luta, com «a certeza de que a falta de soluções climáticas se deve à falta de vontade política».