Tavira expõe «A Voice to a Voice» organizada por Isabel Macieira

  • Print Icon

Tema propõe a ideia de diálogo e conexão entre diferentes indivíduos.

A Biblioteca Municipal Álvaro de Campos, em Tavira, recebe a partir do dia 1 de fevereiro, às 18h00, a exposição «A Voice to a Voice», que poderá ser visitada até dia 29 do mesmo mês.

O Programa Internacional de Partilha de Gravuras (Internacional Print Exchange Programme – IPEP) escolheu a artista Isabel Macieira para organizar esta exposição em Portugal, a qual inclui 40 gravuras de vários artistas, nomeadamente da própria.

Os trabalhos são de pequena dimensão e têm como tema «a voice to a voice» que propõe a ideia de diálogo e conexão entre diferentes indivíduos.

Isabel Macieira nasceu em Lisboa, em 1957, tendo vivendo em Tavira desde 1985. Foi professora de Educação Visual e Desenho, no 3º ciclo e ensino secundário, entre 1982 e 2014.

Desenvolve, desde 1990, uma carreira como artista plástica com participação em várias exposições coletivas e individuais em Portugal e no estrangeiro.

Em 2009, fundou em Tavira a Casa 5 – Associação de Artes Plásticas e Visuais, onde organiza e participa em diversos projetos de índole local e estabelece parcerias com outras entidades com vista ao desenvolvimento de projetos culturais conjuntos, como é o caso do projeto «Artalaia» e «Tavira Ilimitada».

Paralelamente, estuda História de Arte Portuguesa, tendo concluído o grau de mestre nesta área em 2007, na Universidade do Algarve. É autora do livro «A Arte Sacra em Tavira, séculos XV a XX», editado em 2004, pela Câmara Municipal de Tavira.

O IPEP é uma iniciativa sem fins lucrativos, através do qual os impressores compartilham o seu trabalho em todo o mundo. Os participantes exibem, individualmente, o portfólio compilado na sua área geográfica, juntamente com as gravuras dos restantes artistas que integram este programa.

Esta forma de expor tem como objetivo impulsionar o trabalho em rede, assim como criar a consciência sobre a gravura como forma de arte comum.

Esta ação ocorre, desde 2013, em 36 países e conta com a participação de 160 autores, os quais contribuíram para a exibição de mais de 65 exposições.