Festival Al-Mutamid leva «fusão de flamenco com música árabe» a Albufeira

  • Print Icon

Na sua XIX edição, o Festival Al–Mutamid traz a Albufeira os Tarab Flamenco, um espetáculo de fusão do flamenco com a música árabe, num verdadeiro diálogo de cante e baile flamenco com cantos e danças do Mediterrâneo interpretados pela bailarina flamenca Bettina Castaño, o cantor flamenco David Hornillo e pelo trio de música oriental Almawsil. O momento artístico acontece no dia 16 de fevereiro, sábado, às 21h30, no Auditório Municipal de Albufeira.

Neste espetáculo, o grupo convida os espetadores a embarcarem numa viagem imaginária pelas melodias e ritmos tradicionais dos vários países do Mediterrâneo, tendo como ponto de partida a cidade de Cádiz e com final na mítica Constantinopla (atual Istambul).

A iniciativa, que surgiu no ano de 2000, aposta em sonoridades que durante séculos invadiram bazares, medinas e palácios da região do Algarve, então conhecida como Gharb Al–Andalus.

O Festival é também uma homenagem ao rei poeta Al–Mutamid, filho e sucessor do rei de Sevilha Al-Mutadid, que foi nomeado governador de Silves com apenas 12 anos, tendo aí passado uma juventude refinada. Poeta de excelência, Al–Mutamid foi o mais liberal, magnânimo e poderoso de todos os taifas de Al–Andalus.

Os bilhetes para este espetáculo custam 5 euros e podem ser adquiridos na Câmara Municipal de Albufeira (no CIAC) e na Biblioteca Municipal Lídia Jorge, nos dias úteis, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 16h00. Também podem ser adquiridos ingressos no Auditório Municipal, no dia do espetáculo, entre as 19h30 e as 21h15.