Lagos debate a Eficiência Energética na Iluminação Pública

  • Print Icon

A Câmara Municipal de Lagos, o Instituto de Sistemas e Robótica da Universidade de Coimbra e o Centro Português de Iluminação, vão realizar uma Sessão Técnica sobre Iluminação para Interiores e Exteriores, que terá lugar no próximo dia 17 de maio, às 14 horas, no Auditório do Edifício Paços do Concelho Séc. XXI.

Trata-se de uma organização conjunta das três entidades, promovida no âmbito do PremiumLightPro, um projeto europeu centrado na implementação de soluções inovadoras para sistemas de iluminação eficiente (de interior e exterior) no sector dos serviços públicos e privados. O principal objetivo desta iniciativa é apoiar a implementação de soluções LED «de elevada qualidade e eficiência utilizando os instrumentos e serviços apropriados».

Em Portugal, este projeto é dinamizado pelo Instituto de Sistemas e Robótica (ISR) – Universidade de Coimbra, um instituto de investigação e desenvolvimento de base universitária, sem fins lucrativos, que desenvolve atividades de investigação multidisciplinar na área da eficiência energética de produtos consumidores de energia nos setores industrial, e na área residencial e de serviços – políticas de eficiência energética e planeamento integrado de recursos no setor da eletricidade.

É igualmente parceiro na organização desta sessão técnica o Centro Português de Iluminação (CPI), uma associação que tem como objetivo promover e desenvolver o ensino e a boa arte em iluminação.

Para a autarquia lacobrigense o acolhimento desta sessão é «mais uma oportunidade de consolidar conhecimentos numa área a que tem sido dedicada uma atenção crescente em termos de investimento municipal, conforme comprova a intervenção que está a ser desenvolvida no sentido de tornar a iluminação pública mais eficiente e no âmbito da qual serão substituídas por equipamentos LED cerca de oitocentas luminárias situadas em artérias principais da cidade».

Entre os oradores, para além de representantes do ISR e do CPI, estarão também elementos da Agência Regional de Energia e Ambiente do Algarve e da EDP Distribuição (AREAL).

A iniciativa é destinada a gestores locais de energia, câmaras municipais e outras instituições públicas (em especial quem elabora cadernos de encargos), projetistas de iluminação, agências de energia, empresas de consultoria, empresas que elaborem projetos, fiscalização e direção de obra, consultores de energia e instaladores de soluções de iluminação.