• Print Icon

Um grupo de utentes reuniu-se e angariou uma coleta que permitiu adquirir este equipamento avaliado em largas centenas de euros.

O Serviço Medicina Física e Reabilitação, no sector de Terapia Ocupacional-Reeducação da Mão, disponibiliza aos utentes do Centro Hospitalar e Universitário do Algarve (CHUA) de Faro, um equipamento inovador, denominado Mobilização Analítica Progressiva e Sequenciada, adquirido pela boa vontade de alguns doentes deste serviço e dos profissionais do sector.

«Estou a tratar de um dedo partido desde maio do corrente e vou diariamente ao Hospital de Faro para me tratar. Aprendi pessoalmente a mais-valia deste equipamento e a diferença nos tratamentos. Uma vez que o hospital não tinha verbas para adquirir este equipamento, os utentes juntaram-se e fizeram uma coleta. Em várias semanas conseguiram angariar o valor e oferecê-lo ao serviço. Um gesto que mereceu a minha atenção e por isso partilho convosco», conta Bruno Gabriel, empresário que teve a iniciativa de enviar uma nota à imprensa.

O equipamento consiste num «tabuleiro» com graduações diferentes que permite exercícios personalizados para cada paciente e que pode ser complementado com uma variedade de acessórios.

Utiliza sequências de exercícios, cuja intensidade tem vários níveis, podendo ser ajustados progressivamente durante o tratamento.

Permite fazer reeducação funcional das estruturas da mão afetadas através de um sistema inovador de biomecânica da mão e de técnicas, podendo ser usado em lesões traumáticas da mão, rigidez, lesões nervosas, e incapacidades funcionais.

A Terapia da Mão é uma valência específica da Terapia Ocupacional (TO), inserida no Serviço de Medicina Física e de Reabilitação do CHUA de Faro, que pela dinâmica e conhecimento dos profissionais, é um serviço de referência.