Silves obrigado a cancelar a realização da Feira de Todos os Santos

  • Print Icon

Município de Silves obrigado a cancelar a realização da Feira de Todos os Santos dado o agravamento da pandemia da COVID-19.

Perante o súbito agravamento nos últimos dias do surto epidémico do novo coronavírus (SARS-CoV-2), causador da doença COVID-19, e que levou o governo a declarar o estado de calamidade em todo o território continental, o município de Silves decidiu cancelar a Feira de Todos os Santos, que estava previsto realizar-se entre 29 de outubro e 1 de novembro de 2020.

Era firme intenção do município de Silves proceder à realização de tão importante certame, atendendo não apenas ao seu longo historial, mas, sobretudo, devido à necessidade de promover a retoma económica e a normalização da vida em sociedade, dando combate efetivo ao medo e à resignação.

Nesse sentido, já se encontravam em curso os preparativos da organização e realização da Feira de Todos os Santos, do mesmo modo que foi elaborado um plano de contingência para a realização do evento, em cumprimento das normas e recomendações sanitárias da DGS.

Porém, o agravamento das restrições recentemente decretadas pelo governo, e que vão incidir em dias de realização do evento, tornou o mesmo inexequível.

Por outro lado, devido ao acentuado aumento do número de casos por doença COVID-19, e consequente evolução dos respetivos níveis e risco de propagação do novo coronavírus (SARS-CoV-2), deve prevalecer a defesa da saúde pública da população.