Projeto de inclusão social «Castro Marim (Com)Vida» arrancou hoje

  • Print Icon

Novo projeto de base social, no qual a Odiana assume o papel de Entidade Coordenadora Local da Parceria do CLDS 4G, a convite do município de Castro Marim.

O projeto «Castro Marim (COM)Vida» decorre até junho de 2023 com partida a partir de hoje, dia 1 de julho, no concelho de Castro Marim, com um conjunto de ações no eixo II, da intervenção familiar e parental preventiva da pobreza infantil, e eixo III, na promoção do envelhecimento ativo e apoio à população idosa.

O objetivo é passa por contribuir para minimizar a exclusão social dos grupos de maior fragilidade social, nomeadamente crianças, jovens e suas famílias, idosos e pessoas com deficiência e/ou incapacidade. De referir que na génese do «Castro Marim (COM) Vida» esteve o Diagnóstico Social e Plano de Desenvolvimento Social do Município de Castro Marim.

O projeto pretende «dar vida a uma panóplia de ações que, por sua vez, mobilizam diferentes agentes e recursos da comunidade, assentes numa metodologia de proximidade e rede».

No que concerne às crianças e agregados familiares, estão planeadas ações de acompanhamento individualizado, promoção de competências, sessões de informação e sensibilização, comemorações e atividades lúdicas e recreativas.

Na componente sénior, estão previstas ações socioculturais para promoção do envelhecimento ativo e a autonomia da população idosa, ações de combate à solidão e ao isolamento, que promovam o envelhecimento saudável e informado, bem como o incentivo ao voluntariado.

Francisco Amaral, presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, destaca a importância deste projeto que contempla um verdadeiro trabalho de proximidade – «são estas parcerias que nos fazem crescer enquanto comunidade e enquanto seres humanos. Identificar e intervir, procurando uma sociedade mais igualitária, mais justa e com dignidade para todos», assegura o autarca.

O Contrato Local de Desenvolvimento Social «Castro Marim (COM)Vida» irá contar com uma equipa especializada de três profissionais que vai atuar junto da comunidade, numa parceria com agentes e recursos já existentes, representando um investimento total de 405600 mil euros no território.

A equipa estará sedeada na Odiana e disponível por e-mail e telefone (281 531 171).