Homem que tentou matar a ex-companheira em Olhão detido na Alemanha

  • Print Icon

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Sul, identificou e deteve, em colaboração internacional com a sua congénere alemã e em cumprimento de mandado de detenção europeu, o suspeito da presumível autoria de três crimes de homicídio na forma tentada em Olhão.

A estes acresce um crime de violência doméstica, e ao todo vitimaram duas mulheres e um jovem, num caso que remonta a 5 de abril de 2019.

As vítimas, uma mulher com 30 anos de idade, grávida, a respetiva mãe, de 52 anos e irmão, um jovem de 15 anos, foram agredidos pelo anterior companheiro da primeira, com recurso a arma branca, ilícito ocorrido no interior da residência das vítimas.

Na sequência da agressão «viriam a ser provocadas lesões graves que representaram um perigo concreto para a vida das vítimas, não fosse a rápida assistência médica prestada».

A investigação desenvolvida permitiu a recolha de relevantes elementos probatórios, tendo culminado na identificação e localização do presumível autor em território alemão, onde viria a ser detido em cumprimento de mandado de detenção europeu e extraditado, no dia de ontem, quinta-feira, 27 de junho, para Portugal.

A detenção ocorreu no âmbito de uma investigação tutelada pelo Ministério Público – Departamento de Investigação e Ação Penal de Olhão, onde o detido, de 32 anos de idade, será presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.