Município e Bombeiros de Alcoutim renovam protocolos de colaboração

  • Print Icon

A Câmara Municipal de Alcoutim aprovou recentemente, em reunião do executivo, a renovação de dois protocolos de colaboração com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Alcoutim. Nos termos desses protocolos, o município compromete-se «a transferir para a instituição uma verba global no valor de 180 mil euros».

Este encargo financeiro com aquela associação «resulta da necessidade de salvaguarda dos interesses da população garantindo a continuidade na prestação de cuidados sociais e de socorro no concelho de Alcoutim», explica o executivo.

Para Osvaldo dos Santos Gonçalves, presidente da Câmara Municipal da Alcoutim, os protocolos agora aprovados «constituem uma forma relevante de apoiar a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntário, estreitando relações de cooperação, ao mesmo tempo que desempenham um papel crucial na procura de garantir a qualidade e variedade dos serviços prestados pela instituição e a necessidade de salvaguarda dos interesses da população».

Um dos acordos de cooperação «garante a manutenção de diversos serviços prestados pelos bombeiros», nomeadamente no combate a incêndios, na proteção civil, no socorrismo e transporte de doentes, bem como no socorro a náufragos e apoio a outras atividades fluviais.

A Associação assegura também, no âmbito do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais (DECIF), e no período da Fase Charlie, «o pré-posicionamento de uma equipa de combate a incêndios florestais em Vaqueiros».

O segundo protocolo tem como objetivo «o apoio à população nas áreas da fisioterapia, enfermagem, terapia da fala, nutrição e apoio psicossocial, bem como apoio à infância através do infantário A Joaninha».