Homem detido em Luz de Tavira por bater no filho, companheira e sogro

  • Print Icon

Detenção «foi efetuada sob mandado judicial».

A Guarda Nacional Republicana (GNR), através do seu Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Especificas (NIAVE) de Faro, deteve ontem, quinta-feira, dia 21 de maio, um homem de 41 anos por suspeita de três crimes de violência domestica agravada, em Luz de Tavira.

A detenção «foi efetuada sob mandado judicial, no âmbito de uma investigação iniciada há sete dias, relacionada com agressões do suspeito sobre um filho menor, de 13 anos», explica a GNR.

A autoridade acrescenta ainda que «existem também indícios de que suspeito terá maltratado a sua companheira, de 38 anos, e o sogro, de 78 anos, que vive com o casal».

O suspeito ficou detido até ser presente ao Tribunal Judicial de Faro. A ação policial teve o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Tavira.