Faro distribui 3200 máscaras por várias creches do concelho

  • Print Icon

Oferta está a ser feita no âmbito de várias ações de sensibilização.

O Município de Faro, através do seu Serviço Municipal de Proteção Civil (SMPC) e em articulação com a Administração Regional de Saúde (ARS) e o Instituto da Segurança Social, encontra-se a promover, durante esta semana, um conjunto de ações de sensibilização junto das creches e jardins-de-infância do concelho.

Após a reabertura destas valências, permitida desde segunda-feira, dia 18 de maio, estas equipas pluridisciplinares – que, além dos elementos afetos ao SMPC incluíram ainda uma Técnica do Instituto da Segurança Social e um médico de saúde pública, nomeado pela Delegada de Saúde – estão a realizar ações de sensibilização em 25 locais, afetos a 23 entidades (entre Instituições Particulares de Solidariedade Social e privadas), que contam com cerca de 420 funcionários. 

No âmbito destas ações, estão a ser distribuídos 3200 equipamentos de proteção individual (máscaras cirúrgicas), além de folhetos informativos e cartazes com boas práticas e recomendações para funcionários e encarregados de educação relativos ao regresso ao funcionamento de creches e jardins-de-infância, incluindo medidas preventivas ou adaptação dos planos de contingência dos vários espaços.

Estão assim a ser realizadas ações de sensibilização na Associação de Apoio à Criança «O Arco Íris», Cáritas Diocesana do Algarve, Casa de Santa Isabel, Jardim de Infância «A Joaninha» (Centro Cultural e Social da Paróquia de Santa Bárbara de Nexe), Centro Cultural e Social da Paróquia de São Martinho de Estoi, Centro de Bem Estar Infantil Nossa Senhora de Fátima e Infantário da Falfosa/Centro de Bem Estar Infantil da Falfosa (Centro de Ação Social, Cultura e Desporto dos Trabalhadores da Saúde e Segurança Social do Distrito de Faro), Centro Infantil do Hospital de Faro, COOPPOFA – Cooperativa Consumo Popular de Faro CRL, Centro Infantil de Montenegro «Os Vivaços» e Creche «Os Vivaços» (Fundação Algarvia de Desenvolvimento Social), Centro Infantil «Estrela do Mar» e Creche «Malta Pequena» (Fundação António Silva Leal), Creche «O Relógio» (Gambelas) e Instituto Dom Francisco Gomes – Casa dos Rapazes (sede), Obra de Santa Zita – Faro, Centro/Creche/Pré-Escolar da Torre de Natal e Creche Faro/Pré-Escolar de Faro/ATL Faro (Santa Casa da Misericórdia de Faro), Creche e Jardim de Infância «Planeta da Fantasia», Creche «Pipocas e Companhia», Creche e Jardim de Infância «Bela Infância», Colégio Oficina Divertida, Jardim Escola João de Deus e Associação Nossa Senhora dos Navegantes.

O município de Faro espera, com esta iniciativa, «poder ajudar à implementação das exigências de segurança e salvaguarda da saúde de todos os funcionários e utentes destas valências, tão importantes e necessárias para garantir o futuro das nossas crianças e a reposição da normalidade da vida das nossas famílias».