Este ano, a festa do Banho 29 faz-se nas redes sociais de Lagos

  • Print Icon

«Como forma de prevenção do contágio da COVID-19 e para garantir a segurança de residentes e visitantes de Lagos», a festa do Banho 29 não será realizada em 2020, estando o município já a trabalhar na edição de 2021.

A Câmara Municipal de Lagos reforça que, mesmo sem a celebração do Banho 29 em 2020, as normas e recomendações da Direção-Geral de Saúde «devem ser cumpridas para quem se desloca às praias durante o dia e, neste caso, durante a noite».

Apesar de tudo, e sendo «uma iniciativa com uma rica história em Lagos e parte integrante da identidade do concelho», esta tradição será assinalada na página de Facebook do município.

«Misto de tradição folclórica e de ritual que atravessa várias gerações, a crença popular refere que um banho na noite de 29 de agosto vale por 29 banhos. Acredita-se que, durante o dia, o diabo está à solta e este banho noturno nas águas de Lagos servia para purificar a alma daqueles que se deslocavam das aldeias para a costa nos seus burros e carroças», explica a autarquia.

Acrescenta ainda que «as suas origens são incertas, mas acredita-se que remonta a antigos ritos de finais de verão ou resultantes da herança árabe da região algarvia. A verdade é que esta herança perdurou pela História até aos dias de hoje e é comum ver-se grupos animados de residentes, mas também de visitantes, que mantêm viva esta tradição ano após ano, não perdendo a oportunidade de dar o clássico mergulho de mar, à meia-noite, e que marca o ponto alto do evento».