Encontro de História de Loulé dá a conhecer o passado do município

  • Print Icon

Evento marca presença, mais uma vez, como espaço de partilha e debate em torno de estudos sobre a História de Loulé em diferentes períodos cronológicos.

O programa desta terceira edição, que decorre nos dias 30 e 31 de agosto, conta com vários painéis de comunicações apresentados por diversos investigadores e lançamentos de livros, no Cine-Teatro Louletano.

Juntam-se visitas à Estação Arqueológica do Cerro da Vila, às Igrejas de São Francisco e Nossa Senhora da Piedade ou ao Centro Histórico de Loulé, orientadas por especialistas nas áreas da Arqueologia e da História da Arte.

A conferência inaugural será proferida pela Professora Helena Catarino, da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, com o tema «Leituras de Arqueologia medieval no território de Loulé e as ocupações do Castelo de Salir».

De resto, os vários painéis do encontro incidem sobre diversas temáticas como «Arquivos e memórias», «Território e economia», «Ensino e religião», «Administração e poderes» e «Indivíduos e instituições».

Do programa consta ainda o lançamento do Caderno do Arquivo «Loulé em 1699. Caracterização sociodemográfica», de João Cosme e Lina Oliveira, e das Atas do II Encontro de História de Loulé.

É de sublinhar que os oradores que irão estar em Loulé «são investigadores com afiliação institucional em várias unidades de investigação pertencentes a diversas universidades do país».

Este evento dá um contributo assinalável na compreensão da história local, ao longo de vários séculos em que se foi construindo a identidade do município, bem como no que respeita ao conhecimento de algumas figuras louletanas que se destacaram no contexto nacional e que foram determinantes também no desenrolar dos acontecimentos históricos em Portugal.

Refira-se que esta iniciativa conta, mais uma vez, com o apoio do Centro de Estudos em Património, Paisagem e Construção (CEPAC) da Universidade do Algarve e do Centro Interdisciplinar de História, Culturas e Sociedades (CIDEHUS) da Universidade de Évora.

A participação neste Encontro confere a entrega de certificado de presença, é gratuita e carece de inscrição, que deve ser feita online.