Albufeira reabre Mercado quinzenal com «rigoroso plano de contingência»

  • Print Icon

Tomadas várias medidas para garantir a segurança do evento.

O Mercado quinzenal de Albufeira reabre na próxima terça-feira, 16 de junho, com um «rigoroso plano de contingência» que tem por base o controlo de acessos, manutenção das regras sanitárias impostas pela Direção-Geral de Saúde (DGS) e procedimentos de contentorização e acondicionamento de resíduos. Como habitualmente, o Mercado realiza-se, nos Caliços, na Estrada de Vale Pedras, na primeira e terceira terça-feira de cada mês, das 8h30 às 14h00.

A reabertura foi precedida de ações de sensibilização a todos os feirantes e colaboradores do mercado, sobre a implementação do Plano de Contingência, medidas de prevenção e regras de higiene.

Foram definidas regras «bastante apertadas, quer para os feirantes quer para os consumidores, num trabalho que está a ser levado a cabo por diversos serviços do município, em colaboração com os Bombeiros Voluntários de Albufeira, GNR e Autoridade Local de Saúde». A articulação com a DGS é garantida pelo Serviço Municipal de Proteção Civil.

O acesso para os consumidores será feito pela entrada nascente, junto ao terminal rodoviário e ao secretariado da Feira. As pessoas deverão fazer fila no exterior do mercado, com vista a permitir a contagem pelos funcionários da autarquia, aguardando que seja dada indicação de entrada no recinto.

Para além disso, é obrigatório o uso de máscara, devendo ser respeitadas todas as medidas de distanciamento social, nomeadamente evitar uma distância entre pessoas inferior a dois metros, bem como as instruções dadas pelos responsáveis de segurança e funcionários municipais, que poderão, em caso de concentração elevada de pessoas no interior ou de incumprimento das regras, optar por solicitar aos clientes que saiam do local ou pelo próprio encerramento do recinto.

Apesar de todas as medidas de segurança, a Câmara Municipal de Albufeira «recomenda que as pessoas de grupos vulneráveis não frequentem o espaço».

Relativamente aos feirantes, entre as várias medidas tomadas, destacam-se «o uso obrigatório de máscara, colocação de avisos em local bem visível das normas de segurança a seguir pelos clientes, disponibilização ao público de desinfetante e luvas descartáveis de forma gratuita, colocação de recipiente para lixo descartável em cada local de atendimento, manutenção de todas as medidas de distanciamento social, cumprimento escrupuloso dos horários de cargas e descargas e do local da entrada de viaturas pelo acesso nascente», explica a Câmara Municipal de Albufeira.

Para além disso, será proibida toda a circulação de viaturas, com exceção das viaturas de socorro ou da autoridade policial durante o horário de funcionamento da Feira. Os comerciantes ficam ainda obrigados à colocação dos Equipamentos de Proteção Individual usados, nomeadamente luvas, máscaras e fatos nos contentores especialmente colocados no recinto para o efeito.